fundo parallax

Master Mind: Entrevista especial com Jamil Albuquerque

 
Aproveitando ainda o evento que participamos aqui em Bellino, fiz um convite especial para o meu amigo Jamil Albuquerque, Presidente da Fundação Napoleon Hill para a língua portuguesa e responsável pelo Master Mind, o verdadeiro e de marca registrada. Confira como foi esse bate-papo!

C onversando com ele, trocamos muitas ideias e o que mais me chamou atenção é a importância desse compartilhamento de experiências. Assisti a uma palestra dele e fiquei não só animado, mas achei interessante a forma como ela é construída e colocada. Todas as pessoas que tiverem uma oportunidade, conheçam e tenham a grande satisfação de ver o que essa fundação é capaz de fazer para o seu sucesso e o seu resultado.

Alberto - Bem, Jamil, obrigado pela oportunidade. Eu queria que você se sentisse à vontade para nos contar um pouquinho, de maneira breve, quem é Napoleon Hill, o que é a Fundação Napoleon Hill e o que ela pode fazer para o empreendedor ter um grande sucesso.

Jamil Albuquerque – Alberto, muito obrigado. Estamos aqui em Bellino, um lugar tão bonito, bastante inspirador, e você me fez a pergunta sobre um homem chamado Napoleon Hill, que foi um dos grandes pesquisadores e, talvez, o maior pesquisador do comportamento humano e empresarial. Ele passou vinte anos pesquisando o que as pessoas bem-sucedidas tinham em comum. Que comportamentos elas tinham que faziam com que tivessem uma vida acima da média. Após esse período, ele publicou o resultado dessa pesquisa em um livro chamado A Lei do Triunfo, que é um dos 30 livros mais lidos e estudados no mundo. Cinco anos depois, publicou o livro Quem pensa enriquece, que é a obra mais vendida no mundo dos negócios, informação esta que inclusive saiu no programa Conta Corrente, da GloboNews, em 2014.

E é importante dizer a fonte pois, no empreendedorismo, algumas vezes se falam coisas sem sustentação. Esse fato empreende uma ideia sem fundamento e sabemos que, quem não tem fundamento, não se sustenta. Nessa pesquisa, Napoleon percebeu que existem alguns comportamentos empreendedores que alteram o resultado. Na obra ele cita 17 comportamentos, mas tem um que é o principal responsável por mais de 80% do resultado de qualquer instituição, empreendimento e situação, desde o modo de empreendimento familiar até o empreendimento de um país: a liderança.

Alberto – Este tema, por sinal, é um dos assuntos que você fala como ninguém. Eu estava presente na tua palestra e a experiência, a ideia de conceito é o que acaba provando a tua inspiração e liderança, transformando não só uma, duas, três ou dez vidas.

Jamil – Obrigado, Alberto. Mas é justamente sem a liderança que as coisas não se sustentam. Por exemplo: Uma família que não têm uma liderança fica uma família desagregada e desmantelada. Uma empresa não se sustenta sem um líder, pois é ele que resolve conflitos, define metas, define a direção, ou seja, ele faz as coisas acontecerem. Faz ter o início, o meio e o fim. Então, o líder é o que altera todo o resultado. As pessoas agora podem estar se perguntando: 'se um comportamento é responsável por mais de 80%, por que que precisa mais 16 para formar os 17 encontrados na pesquisa?'

Porque esse um é responsável por mais de 80% do resultado, e os demais comportamentos são de sustentação dele. Ou seja, nada disso adianta se você não tiver a fundamentação. E o que é fundamental? É aquilo que é necessário para se chegar ao essencial. Napoleon Hill dedicou a sua vida à pesquisa desse comportamento e criou uma metodologia: Master Mind. É exatamente por isso que você abrange dizendo que Master Mind é registrado em toda a língua portuguesa e, como estamos na Europa, também é registrado pela nossa fundação nos países que fazem parte da comunidade europeia.

Alberto– No brasil, quantas pessoas já tiveram a oportunidade de receber essa formação de liderança e em quantos anos isso aconteceu?

Jamil - Só pela Fundação Napoleon Hill já são mais de 80 mil líderes que nós formamos em 26 anos, para ser mais específico. Atualmente estamos em 21 estados brasileiros, inclusive em Porto Alegre, que receberá um evento agora em maio.

Alberto – Este evento é uma grande oportunidade, não percam! Apesar de ter uma boa experiência e estar há alguns anos fazendo isso, acho que o que vi aqui pessoalmente é que, este evento, é para que o novato, que está se preparando para buscar um empreendimento, seja ele qual for; e o avançado, aquele que já tem o negócio, precisam ver que realmente vale muito a pena tudo isso. Qual é o evento e quais os dias ele estará em Porto Alegre?

Jamil – O evento se chama Seg Hill - O segredo da filosofia de sucesso, e será realizado nos dias 5, 6 e 7 de maio, em Porto Alegre. Se trata exatamente disso que você falou. Quem tem já experiência, vai lá polir. Você sabe quando o diamante é um diamante de alto valor? Quando ele suporta até 48 vezes ser lapidado até ser considerado de altíssimo preço de mercado.

Alberto – É como David e Michelangelo. Não tinha como começar do zero, tinha que esculpir para deixar perfeita a obra. E um pouquinho antes de fazer esse bate-papo, eu havia feito uma pergunta que, neste momento, acho que matou todas as respostas. Eu lhe perguntei sobre uma apresentação que eu havia feito ontem e o que você me respondeu?

Jamil – Eu falei que estava excelente e que precisa agora de uma melhoria contínua.

Alberto - Exatamente. E o que eu levo disso é que nós também precisamos sempre evoluir, por mais que acreditamos que estamos em um parâmetro razoável. Até porque, eu sou autocrítico também e escutar de pessoas que vivem isso nos dá um upgrade. Seja ele o mercado que for, promove a autoconfiança, o interesse de desenvolvimento e a conexão entre as pessoas. E é isso que faz nós termos resultados.

Jamil – Alberto, o mestre que não sabe frequentar a sala de aprendiz se torna soberbo. O líder, quando se torna soberbo, comete dois grandes equívocos: o primeiro é que o seu ponto cego fica muito grande e então ele começa a ficar arrogante. Ele não percebe suas falhas. O segundo erro é que a soberba sempre promove inimigos muito próximos, e é então que o líder solavanca. É nesse caso que vemos gente grande sendo derrubado por pequeno, pois o grande subestima o pequeno, e não existe adversário que seja inofensivo. Porque o grande ganha pela força, e o pequeno derruba pelo veneno.

Alberto – E a auto percepção faz uma diferença. Bom, eu ganhei não só o meu dia, mas nós estamos aqui há uma semana, quase dez dias e eu saio daqui com uma certeza ainda maior de que a liderança é construída, desenvolvida e pode ser lapidada como uma pedra bruta, assim como foi com Michelangelo e também o diamante. Saio ainda mais feliz de poder ter escutado aqui do meu amigo que uma apresentação teve excelência, mas sempre pode ser desenvolvida.

Jamil, muito obrigado, sucesso e conta conosco. Acho que nada é por acaso. Nós estamos aqui tão longe de casa e o que mais queremos é que o mundo seja e evolua com pessoas que realmente possuem um coração bom e que promovem a liderança, não só nos negócios, mas também no seu dia a dia e na sua história. Muito obrigado! Quem quiser fazer um contato com a Fundação e conhecer mais, como pode entrar em contato?

Jamil – Basta acessar o site www.mastermind.com.br e todos poderão encontrar os nossos contatos.

Alberto – Muito obrigado Jamil. E para você que acompanhou esse bate-papo, lembre-se que a liderança não é só a liderança nos negócios, ela começa no coração de cada um de nós.

Excelentes resultados e um extraordinário dia! Até a próxima!